O que causa a catarata?

Em geral, existem duas causas principais da catarata: podemos adquiri-la ou podemos nascer com ela.

Causas da catarata

Catarata adquirida

Uma variedade de fatores causa a catarata adquirida. Exposição à luz ultravioleta e o processo normal que ocorre com o tempo de o cristalino se tornar menos resiliente, menos transparente e mais espesso podem contribuir para a formação da catarata.

Trauma ocular também pode causar a catarata e é a causa mais comum de catarata em pessoas com menos de 40 anos.

Doenças sistêmicas também podem causar catarata, incluindo diabetes e hipotiroidismo.

Toxinas, como o uso crônico de corticóides, podem causar catarata. Vários estudos vincularam o desenvolvimento da catarata ao consumo de álcool e também à exposição à fumaça do cigarro.(1)

Causas secundárias, como cirurgias oculares, inflamação crônica e alguns tipos de glaucoma e alta miopia também podem causar o desenvolvimento da catarata.

Catarata congênita

É possível nascer com catarata. Essas cataratas são conhecidas como cataratas congênitas e são bem raras. Aproximadamente um terço das crianças com catarata congênita (2) a herdou.

Mais detalhes médicos sobre as causas da catarata

Você sabia?

A catarata não é causada pelo uso excessivo dos olhos e não pode passar de um olho para o outro, embora possamos desenvolver a catarata nos dois olhos.

O que causa a catarata – Detalhes médicos

Catarata adquirida

Como a nossa pele, a lente do olho é um tipo de epitélio. Mas, ao contrário da nossa pele, o cristalino não pode perder células no ar. Com a catarata relacionada à idade, a catarata nuclear, o núcleo do cristalino se torna mais espesso à medida que as células se desprendem e se depositam no meio dele.

Ao mesmo tempo, a capacidade do corpo ciliar de nutrir o cristalino contribui para a formação da catarata.(2)

Traumas, como um ferimento que penetra direto no cristalino, uma concussão, um choque elétrico ou relâmpago, ou o uso de irradiação para tratar um tumor ocular, podem causar catarata, normalmente a catarata subcapsular posterior.

O diabetes pode causar catarata fazendo com que o cristalino fique super-hidratado. Quando isso ocorre, depósitos ou opacidades podem ser formar na parte frontal (anterior) ou traseira (posterior) do cristalino. Em alguns casos, esse tipo de catarata pode se formar em alguns dias.

Um distúrbio endócrino, como uma tireóide hipoativa ou hipotireoidismo, também pode causar a catarata.

A catarata tóxica normalmente é a catarata subcapsular posterior.

A causa mais comum de catarata secundária é a inflamação crônica de qualquer um dos componentes da úvea, incluindo a iris, o corpo ciliar ou a coróide a (essa inflamação também é conhecida como uveíte anterior crônica).

Outras causas da catarata secundária, como a cirurgia para tratar o glaucoma, a cirurgia vitreoretiniana, e o deslocamento da retina e a cirurgia subseqüente, também podem causar o desenvolvimento da catarata.

O glaucoma de ângulo agudo fechado congestivo também pode causar a catarata, como pode a miopia alta. A miopia simples não predispõe uma pessoa a desenvolver a catarata, no entanto.

Além disso, distrofias de fundo hereditário, como retinite pigmentosa, neuropatia óptica hereditária de Leber, atrofia girata, síndromes de Wagner e de Stickler, também podem ser associadas à catarata subcapsular posterior.

Catarata congênita

Além da hereditariedade, outras causas de catarata congênita incluem distúrbios metabólicos, como galactosemia ou hipoglicemia , e infecções intra-uterinas, como a rubéola, o herpes simples e a varicela.

voltar à descrição para leigos

Você sabia?

A catarata adquirida é responsável por mais de 99% de todas as cataratas. A catarata congênita, por menos de 1%.

  • (1) "The Aging Eye: A Special Health Report from Harvard Medical School", página 12. Ed. Fine, Laura C. M.D e Heier, Jeffrey S. M.D., copyright 2006, Harvard Health Publications, Boston, MA.
  • (2) Kanski, Jack J. Clinical Ophthalmology, 4ª edição.